PROPOSTA PARA A CASSI NÃO É APROVADA, MESMO COM MAIORIA DE VOTOS A FAVOR

54


O Banco do Brasil divulgou na segunda-feira (27/5) o resultado da Consulta ao Corpo Social da Caixa da Assistência dos Funcionários do Banco do Brasil (Cassi) sobre a proposta para a sustentabilidade do plano. O resultado foi apresentado em mesa de negociação com as entidades de representação do funcionalismo do BB.


Dos votos válidos, a maioria dos associados votou pela aprovação da proposta, com 55.444 votos a favor e 49.577 votos contrários. Entretanto, os votos SIM não atingiram os 2/3 suficientes para a aprovação das mudanças de custeio e governança. Para aprovação da reforma estatutária que injetaria mais recursos na Cassi seriam necessários 70.014 votos favoráveis, considerando o quórum desta consulta.


No dia 28/5, a Contraf-CUT enviou ofício ao Banco do Brasil solicitando a reabertura das negociações da Mesa da Cassi. A reabertura das negociações é imprescindível para a perenidade da Caixa de Assistência.


“Considerando a urgência em se encontrar uma solução financeira e de melhoria de governança para a sustentabilidade da Caixa de Assistência dos Funcionários do Banco do Brasil, o ofício enviado ao BB solicita retomar as tratativas para se chegar a um entendimento sobre o futuro da Cassi”, afirma Wagner Nascimento, coordenador da Comissão de Empresa dos Funcionários do BB.