Fortaleza recebe circuito nacional de arte e cultura

15


Durando o mês de abril, companhias de teatro, dança e animação de todo o Brasil se apresentam em Fortaleza. São 18 grupos nacionais e nove locais que compõem a programação da 16ª edição do Palco Giratório, projeto idealizado pelo Departamento Nacional do Sesc.


Em sua 16ª edição, o Palco Giratório já levou espetáculos a mais de três milhões de pessoas de todo o Brasil. O objetivo é democratizar o acesso às artes cênicas e fomentar a formação de plateia, promovendo um grande intercâmbio cultural. O projeto também proporciona um espaço de reflexão entre público e artistas, com o “Pensamento Giratório” – espaços de debates, após as apresentações. Através de “oficinas” e “intercâmbios”, ainda promove encontros de grupos locais com integrantes do circuito nacional, para troca de ideias e experiências.


Em Fortaleza, as apresentações acontecem no Teatro Sesc Emiliano Queiroz, no Teatro Sesc Senac Iracema, na Escola Educar Sesc, no Mercado São Sebastião e no CUCA Che Guevara.


Sobre o Palco Giratório – Criado pelo Sesc, o Palco Giratório é um projeto cultural, que percorre o País desde 1998, e visa aproximar a arte das pessoas, fazendo um mix com apresentações locais e nacionais. O circuito, que teve início no mês de março, em São Paulo, encerra em novembro durante a Mostra Sesc Cariri de Culturas, no Ceará.


O projeto, já consolidado no cenário cultural brasileiro, completa 16 anos de itinerâncias. Neste ano, o Palco Giratório leva 732 apresentações artísticas e mais de 1.200 horas de oficinas, em 133 diferentes cidades – muitas delas de forma simultânea, percorrendo todos os estados brasileiros e contribuindo para uma política de descentralização e difusão das produções cênicas no País.


O Palco em números – Ao longo de seus 16 anos de existência, o Palco Giratório se consolidou no cenário cultural, levando uma grande variedade de gêneros e linguagens artísticas para um público diversificado de mais de 3 milhões de pessoas. Ao todo, já foram 6.175 apresentações como teatro de rua, circo, dança entre outras atividades artísticas – sejam em instalações do Sesc, praças e outros espaços urbanos. Mais do que entretenimento, essa iniciativa tem como objetivo não só a troca de experiências e vivências entre os artistas, mas também a difusão de montagens regionais pelo país afora, além de criar oportunidades de inserção de artistas, produtores e técnicos no mercado de trabalho.


SERVIÇO:
Projeto Palco Giratório em Fortaleza

Período: 1° a 30 de abril

Informações: (85) 3452 9090