11º CECUT define estratégias para próxima gestão

27

Durante os dias 22, 23 e 24 de maio, o Hotel Parque das Fontes, em Beberibe, foi palco do 11º Congresso Estadual da Central Única dos Trabalhadores do Ceará (CECUT). Tendo como tema “Desenvolvimento com Trabalho, Renda e Direitos”, o evento reuniu cerca de 750 delegados eleitos pelos diversos sindicatos do Estado para um momento de debate e reflexão.

De acordo com o presidente da CUT/CE, Jerônimo do Nascimento, a edição deste ano do CECUT teve como principais objetivos a realização de um balanço da gestão da Central que se encerrou e de eleições para compor a nova direção. “Debatemos também o atual cenário político e econômico nacional e internacional, além da construção de uma plataforma de lutas para o próximo triênio”, acrescentou.


A programação do evento incluiu palestras, trabalhos de grupo e contou também com a apresentação do Coral do Sindicato dos Bancários. Houve ainda o lançamento de várias Campanhas, como a da “Igualdade Racial” e da “Cartilha das Convenções 151 e 158”, que trata do processo de negociação dos trabalhadores do serviço público e das restrições às demissões sem justa causa.


Segundo Jerônimo do Nascimento, a defesa intransigente do emprego e do trabalho foi o assunto que cerceou todas as atividades do 11º CECUT. “Essa é uma bandeira que não pode sair da nossa pauta. Estamos passando por uma fase de desenvolvimento no País e é preciso que haja uma distribuição de renda, que vem através do aumento do salário mínimo e dos reajustes salariais”, afirmou.