Agricultores serão chamados a participar da defesa dos bancos públicos

17


O Sindicato dos Bancários do Ceará, representado pelo presidente Carlos Eduardo Bezerra, participa do 8º Congresso Estadual dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras Familiares (8º CETTR), no período de 21 a 24/11, em Beberibe, com o tema “Agricultores e Agricultoras Familiares Construindo Alternativas de Desenvolvimento para o Campo”.


O presidente do SEEB/CE, no evento, vai mostrar a importância de se defender os bancos públicos, que estão na mira do atual governo ilegítimo Temer, cuja intenção é privatizá-los e enfraquecer sua atuação no País. Os grandes prejudicados serão os pequenos agricultores familiares, os verdadeiros produtores de alimentos no País. Sem os bancos públicos, eles ficariam entregues à sanha dos bancos privados com seus altos juros e taxas.


Os bancos públicos – Banco do Brasil, Banco do Nordeste, Caixa Econômica Federal e BNDES – desempenham no Ceará um papel fundamental no desenvolvimento da nossa economia. Privatizá-los enfraquecerá nossa agricultura familiar cearense.


Onde o agricultor pode obter crédito bancário com taxas de juros mais baixas? Só nos bancos públicos, através do programa chamado Pronaf. O Banco do Brasil e o Banco do Nordeste são responsáveis por cerca de 70% do volume dos créditos concedidos para a agricultura familiar. Os bancos privados quase nunca ofertam esse tipo de crédito.