Apesar de lucro alto, banco reduziu 2.608 postos de trabalho em relação a setembro de 2015

3


A lucratividade na Caixa continua alta. Mesmo assim, o banco não retoma as convocações. No acumulado de janeiro a setembro, o lucro líquido chegou a R$ 3,445 bilhões, sendo R$ 998,1 milhões somente no terceiro trimestre.


Apesar do registro de lucro e do acréscimo de 3,48 milhões em seu número de clientes, a Caixa reduziu 2.608 postos de trabalho em relação a setembro de 2015, o que deixa claro o forte impacto do Programa de Apoio à Aposentadoria (PAA) sobre o quadro de empregados e a sobrecarga de trabalho, que é grande.


No PAA (Plano de Apoio a Aposentadoria) do ano passado, mais de 3,2 mil empregados deixaram a Caixa. Importante destacar que no último concurso, em 2014, mais de 30 mil candidatos foram habilitados ao cargo de técnico bancário. No entanto, apenas 2.093 foram convocados até o momento.


FGTS e Políticas Públicas – Os trabalhadores de todo o País devem se mobilizar para impedir que um patrimônio equivalente a quase R$ 500 bilhões seja amea-çado pela ganância do mercado financeiro. Esse foi o consenso entre os participantes do seminário “A Contribuição do FGTS para as Políticas Públicas”, realizado no dia 17/11, em Brasília, promovido pela Fenae, APCEFs e Contraf-CUT. 

Foram aprovados um manifesto e a realização de uma campanha para alertar a classe trabalhadora brasileira sobre “os riscos de que esse importante instrumento de políticas públicas faça parte do desmonte do patrimônio público brasileiro promovido por um governo entreguista sem compromisso com os trabalhadores”. Haverá também debates nos estados.