Após mobilização, banco paga R$ 500,00 de adicional de PLR

23

Após pressão das entidades sindicais e três dias nacionais de luta com atividades de mobilização em todo País, o Santander anunciou que pagaria R$ 500,00 de adicional de Participação nos Lucros e Resultados (PLR) do exercício de 2008, dia 19/6, quando saiu a folha deste mês dos trabalhadores do banco, uma vez que o dia 20 ocorreu no sábado.


O pagamento foi comunicado no final da tarde do dia 15/6, em carta enviada pelo banco, em resposta ao documento encaminhado pela Contraf-CUT, em conjunto com sindicatos, federações e Afubesp, na sexta-feira, dia 12/6.


O crédito foi feito tanto aos funcionários do Santander quanto do Real. Quem foi demitido sem justa causa e quem se aposentou entre 2 de agosto e 31 de dezembro de 2008 tem direito ao valor proporcional ao período trabalhado e vai receber no dia 10 de julho.

NOVA NEGOCIAÇÃO DIA 23 – Na correspondência, o banco aceitou o pedido das entidades sindicais e agendou uma nova rodada de negociação para a próxima terça-feira, dia 23/6, às 15 horas, em São Paulo, que deve tratar da PPR (Programa de Participação nos Resultados) do exercício de 2009.

AVALIAÇÃO – Para o diretor do Sindicato dos Bancários do Ceará e funcionário do Santander/ Real, Eugênio Silva, “o valor pago pelo banco não é o que esperávamos, afinal de contas o Santander pagou milhões a seus executivos, porém este adicional é resultado da mobilização dos trabalhadores. Vale salientar que a luta continua, principalmente, no que diz respeito às alterações na HolandaPrevi. Recomendamos mais uma vez não aderir ao novo plano e aguardar uma análise que a representação dos trabalhadores está fazendo quanto às mudanças unilaterais no fundo”.