Artes plásticas: bairro Benfica em novas cores

5


Há 14 anos, o shopping Benfica instalou-se no bairro de mesmo nome. Para homenagear essa trajetória, a empresa realiza até 15 de novembro a exposição “Benfica sobre tela”, com trabalhos de artistas da cidade que retratam paisagens e personagens do bairro. Ao todo, são 24 telas, tanto de artistas iniciantes quanto daqueles já reconhecidos pelo público. As inscrições foram abertas no final de julho deste ano, com mais de 50 participantes, avaliados segundo seus currículos e trabalhos.


Escolhas – Os contemplados receberam da galeria uma tela para pintar o ícone que julgassem melhor representar o Benfica. A escolha foi livre, logo alguns temas se repetem. Os preferidos foram os prédios da Universidade Federal do Ceará (UFC). Aparecem, por exemplo, a casa de Cultura Alemã, escolhida por Jarbas Miranda; o MAUC, reproduzido por Paulo Fernandes; a Faculdade de Economia, Administração, Atuária e Contabilidade, “reconstruída” pelas tintas de Ricardo Fernandes; e a Casa Amarela, pintada pela estudante e artista plástica Bárbara Martins.


Veterano dos pincéis e nome consagrado no Ceará, Audifax Rios explorou em seu trabalho elementos da arquitetura do prédio da Reitoria da UFC. O mesmo tema foi trabalhado ainda por Expedito Lima, Marcelo Justino, Jozefo Lejc e Amanda Sales de Lima. Mas nem só de campus vive o bairro. Outros artistas escolheram temas diversos como a Igreja dos Remédios (Rámon Rocha e Cezarina do vale).


Gilson Pontes, por sua vez, assumiu a responsabilidade de pintar as cores da tradicional Feira da Gentilândia, que nas primeiras horas da manhã reúne variado público em busca de produtos ou boa conversa. Já “O bucólico Benfica”, de Jô Fernandes, é composto pelo vai e vem dos pedestres e a sombra de uma imponente árvore. A inspiração veio de visitas e conversas com moradores do local. Outro trabalho inusitado é o de Jota, que inovou ao fazer uma homenagem a Alberto Nepomuceno, cujo nome batiza uma das principais escolas de música do Estado.


Prêmios – Ao longo da mostra, uma comissão técnica vai escolher os três melhores trabalhos. Ao primeiro, será concedido prêmio de R$ 1.000; aos segundo e terceiro, R$ 700 e 500, respectivamente. O público também poderá participar em votação popular. Segundo a BenficArte, o objetivo é homenagear o bairro onde está há mais de dez anos, além de dar visibilidade e espaço aos artistas da cidade e fomentar a fruição da arte e a formação de plateia.


Serviço:
Galeria BenficArte

(Av. Carapinima, 2200, Benfica – Shopping Benfica)

Visitação até 15 de novembro
Entrada gratuita. Contato: (85) 3243 1000