Assinado o acordo coletivo dos funcionários do BNB

15

As entidades representativas dos funcionários e a direção do Banco do Nordeste do Brasil (BNB) assinaram no último dia 31/3 o acordo coletivo dos funcionários 2009/2010 juntamente com o acordo aditivo da PLR. Participaram da assinatura o presidente do Banco, Roberto Smith, o diretor administrativo Oswaldo Serrano e a superintendente de Desenvolvimento Humano, Eliane Brasil. Pela primeira vez, um membro da executiva da Contraf/CUT, Marcel Barros, também participou da assinatura.


Embora já houvesse acontecido a assinatura de um termo de ajuste garantindo os direitos conquistados durante a campanha salarial 2009, a assinatura do Acordo precisou esperar a aprovação final do Ministério da Fazenda e do DEST, que veio somente agora – ano passado, o acordo coletivo foi assinado somente em maio.


“Sempre é muito satisfatório para nós, trabalhadores, um momento como esse de assinatura de um acordo, fruto de um ano inteiro de diálogo e negociações. Entretanto, precisamos intensificar nossa luta para que o acordo coletivo do BNB passe a ser fechado juntamente com os dos outros bancos federais”, afirmou o representante da Contraf/CUT, Marcos Vandaí.


De acordo com o membro da executiva da Contraf/CUT, Marcel Barros, esse é um momento de celebração porque mostra que os funcionários conseguiram, mais uma vez, valorizar o processo de negociação e fechar um acordo que, pode até não ser o ideal, mas que garante avanços importantes para os trabalhadores. “O acordo coletivo de trabalho é muito importante para o trabalhador, pois sacramenta as conquistas da negociação. Esse é um momento de suma importância porque é a assinatura de um instrumento que garante e aumenta os benefícios da categoria”, conclui.