Aumenta mobilização contra demissões

79

Foto: Secretaria de ImprensaO Sindicato dos Bancários do Ceará realizou um ato, dia 9/11, na agência do Santander Banespa, da rua Major Facundo, contra as demissões em massa que ocorreram recentemente. Os bancários estão intensificando os protestos com o objetivo de negociar com a direção do banco uma solução. Somente no dia 8/11, foram demitidas 600 pessoas em São Paulo. No Ceará, três bancários perderam seus empregos. O SEEB/CE está buscando reverter estas demissões.

O Santander comprou o Banespa em 2000. Desde então, as entidades representativas dos trabalhadores vinham conseguindo renovar um contrato de garantia de emprego que terminou em 30/11 último. Até o momento, a direção do banco não recebeu os representantes dos funcionários. Isto acontece no mesmo instante em que o grupo espanhol está em plena unificação da plataforma de sistemas, o que na prática possibilitará a fusão de agências e de departamentos, gerando mais demissões.

Os bancários exigem a abertura imediata de negociações com a direção do grupo e reivindica, também, garantia de emprego para todos os trabalhadores do Santander Banespa. Além disso, os funcionários querem igualdade de tratamento, através da unificação dos contratos, bem como saúde, segurança e melhores condições de trabalho.