Bancário é responsável pelo lucro recorde do banco

35

O lucro líquido do Itaú Unibanco chegou a R$ 3,03 bilhões neste terceiro trimestre do ano, segundo balanço divulgado pelo banco na quarta-feira, dia 3/11. Esse montante representa aumento de 33,77% em relação ao mesmo período de 2009. O lucro é recorde, já que supera os R$ 2,5 bilhões do Bradesco também para o terceiro trimestre de 2010.


Para o diretor do Sindicato, Ribamar Pacheco, o aumento do lucro do banco é consequência direta do trabalho de seus funcionários que, por isso, devem ser valorizados e recompensados. O mercado financeiro vem crescendo mais do que qualquer outro setor da economia e os responsáveis por isso são os bancários. Portanto, o banco tem de valorizá-los. Um resultado de mais de R$ 3 bilhões mostra que há espaço para melhor distribuição do lucro e remuneração maior.


De janeiro a setembro deste ano, o lucro líquido do Itaú Unibanco já soma R$ 9,433 bilhões, uma alta de 37,6% em relação a igual período do ano passado.


“O balanço do terceiro trimestre revela que o lucro do Itaú Unibanco bate novo recorde e avança, mas a greve nacional mostrou enorme descontentamento dos funcionários. O trabalhador não se sente valorizado. O banco precisa olhar para essa realidade e colocar as pessoas em primeiro lugar”, afirma o funcionário do Itaú e presidente da Contraf-CUT, Carlos Cordeiro.


A carteira total de crédito do banco fechou setembro em R$ 313,2 bilhões, aumento de 16,5% em comparação com o resultado de janeiro a setembro de 2009 e de 5,7% em relação ao segundo trimestre deste ano. O destaque foi para o crédito de pessoa jurídica, que aumentou 16,2% em relação ao ano passado (janeiro a setembro) e 6,7% em comparação com o trimestre anterior. Já o crédito de pessoa física fechou em 15,9% a mais do que em 2009 (janeiro a setembro) e cresceu 4,1% em relação ao segundo trimestre de 2010.

FUSÃO – O Itaú Unibanco,que tem atualmente mais de 40 milhões de clientes, concluiu em 24/10 a integração de toda sua base de pontos de atendimento pelo Brasil. No total, 998 agências e 245 PABs (postos de atendimento bancário) do Unibanco foram totalmente reformados e integrados aos 3.900 pontos do Itaú, criando assim uma rede de aproximadamente 5 mil unidades em todo o país, todas com a marca Itaú.


A fusão das duas instituições foi anunciada em novembro de 2008. A previsão do banco era que a migração das agências estivesse concluída em novembro deste ano.