Bancários do Itaú Unibanco realizam Encontro Nacional

29

No último dia 8/7 aconteceu o Encontro Nacional dos Funcionários do Itaú Unibanco, organizado pela Contraf-CUT. O evento teve como foco a organização das reivindicações específicas dos trabalhadores do banco para a Campanha Nacional dos Bancários 2011, com destaque para a luta contra as demissões em todo o País.


“Estamos organizando os bancários para realizarmos uma campanha salarial forte e cobrar o compromisso assumido publicamente pelos presidentes dos dois bancos na época da fusão, Roberto Setúbal e Pedro Moreira Salles, de que não aconteceriam demissões”, afirma Carlos Cordeiro, presidente da Contraf-CUT e funcionário do banco.


As entidades sindicais têm denunciado o processo de demissões que vem ocorrendo em todo o País, o que foi confirmado por reportagem da Exame Finanças, na edição do dia 15/6, que trata do duro programa de corte de custos e reorganização interna iniciado pela empresa “para atingir o grau de eficiência que seus acionistas esperam”. Apenas nos meses de abril e maio, de acordo com a revista, cerca de 350 profissionais deixaram o banco, a maioria deles pertencente à área de crédito ao consumidor, que engloba a financeira e o segmento de cartões de crédito.


“As demissões vêm ocorrendo em todas as áreas e em todo o País, sobrecarregando os que ficam e aumentando o stress e o adoecimento. Com um lucro de R$ 3,53 bilhões somente no primeiro trimestre de 2011, essas atitudes não se justificam”, afirma Ribamar Pacheco, representante do Nordeste na Comissão de Organização dos Empregados (COE) do Itaú Unibanco.


Os trabalhadores discutiram também a retomada da campanha de mídia nacional contra as demissões. “Serão produzidos materiais para subsidiar a mobilização dos bancários em todo o País. Vamos lutar contra as demissões e por melhores condições de trabalho para todos”, diz Wanderley Crivellari, da coordenação da COE Itaú Unibanco.