Bancários retomam CRT; negociação continua dia 18/5

17

A primeira reunião de 2010 do Comitê de Relações Trabalhistas (CRT) do Santander ocorreu na quinta-feira, dia 29/5, na capital paulista, no mesmo dia em que o Santander anunciou o lucro do primeiro trimeste. O Brasil teve resultado recorde e já representa 21% dos lucros do grupo: R$ 1,763 bilhão nos três meses do ano, duas vezes mais do que o apurado um ano antes, de R$ 832 milhões.


A Contraf-CUT, em conjunto com outras entidades sindicais e Afubesp, apresentou todos os itens da pauta de reivindicações. O banco respondeu algumas demandas, propôs a formação de dois grupos de trabalho (RH e acesso de dirigentes sindicais) e agendou nova negociação para o próximo dia 18/5 para continuar o diálogo e trazer as demais respostas.

PIJAMA – Os dirigentes sindicais fizeram um recurso, diante da recusa dos pedidos de licença remunerada pré-aposentadoria (pijama) que foram apresentados fora do prazo. Os períodos estipulados não tinham objetivo de punição e sim de disciplinar a gestão do programa. O banco ficou de apresentar um estudo dos casos negados e trazê-los na próxima reunião.

ASSISTÊNCIA MÉDICA E ODONTOLÓGICA – O banco negou a manutenção dos planos de assistência médica e odontológica após a aposentadoria. Também recusou a inclusão dos pais como dependentes a exemplo do que ocorre na Cabesp. A criação de um conselho de usuários para cada plano existente também não foi aceita.