Banco do Brasil só responde com negativas e evasivas

4


A segunda rodada da mesa de negociações específicas com o Banco do Brasil, realizada no dia 30/8, em Brasília, foi marcada por negativas em temas de relevância para os funcionários. Nos temas sobre plano de funções, módulo básico e avançado para quem já tenha cumprido o tempo e certificações, o banco negou que voltar ao módulo básico tenha prejuízo aos funcionários e não fará proposta de melhoria.


O BB afirmou ainda que não fará contratação de concursados, nem mesmo para reposição das vagas em aberto hoje e disse que não incluirá os escriturários na carreira de mérito, uma vez que o plano de carreira aprovado pelos órgãos de controle do governo não prevê carreira de mérito para cargos não comissionados.


O Banco reafirmou os compromissos feitos numa mesa de negociação permanente sobre o modelo digital que não haverá redução do quadro de funcionários e nas funções, que vai respeitar as regras de processos seletivos e que envolverá as áreas de pessoas e negociais para dar amparo aos funcionários envolvidos nesta reestruturação.


A Comissão de Empresa afirmou ao banco que o modelo tem sido implantado numa grande velocidade e muitos casos, tem causado redução de quadros sem uma política de realocação. Foi solicitado ao banco que se crie uma mesa temática específica para debater o modelo digital ao longo do ano com todas as áreas envolvidas.


Poucos avanços – O BB firmou o compromisso de realizar as Mesas Temática de Saúde e de Resolução de Conflitos até junho de 2017. O Banco informou que ainda estão em estudos internos a demanda de reclassificação do código de greve, e uma nova redação da cláusula das folgas, principalmente aos que trabalham no regime 24/7.


Entretanto, o resultado da rodada foi decepcionante pelas evasivas e preocupante pelas negativas em debater determinados assuntos. Num momento em que tivemos uma proposta insuficiente apresentada pela mesa da Febanan, o BB não apresenta propostas reais sobre temas não econômicos, possíveis de serem resolvidos.