Banco perde monopólio e contas do Paraná voltam para o Banco do Brasil

29

O Itaú perdeu o monopólio das contas do Tesouro do Estado do Paraná. No dia 15/3, o presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Nelson Jobim, suspendeu a liminar que mantinha as contas do estado com o Itaú, que comprou o Banestado em 2000. Com a decisão, as contas estaduais voltam para o Banco do Brasil.

Pelo contrato de compra do banco, o Itaú poderia manter o monopólio durante 10 anos. No entanto, o governo paranaense pretendia que as contas do estado voltassem imediatamente para o Banco do Brasil.

Para o representante da FETEC/NE e diretor do Sindicato dos Bancários no Ceará, Ribamar Pacheco, é importante ressalvar que esse fato não ocasione redução do quadro de funcionários, diante da alta lucratividade do Itaú.