BB lucra 15,9% menos em 2010 no padrão contábil IFRS

19

O Banco do Brasil (BB) divulgou semana passada o balanço de 2010 de acordo com as normas internacionais de contabilidade (IFRS), registrando lucro líquido de R$ 11,330 bilhões, 15,9% abaixo dos R$ 13,479 bilhões de 2009, no mesmo padrão. Os ativos somaram R$ 802,8 bilhões, crescimento de 14,3% em 12 meses. O saldo total de carteira de crédito foi de R$ 349,4 bilhões, 17,2% acima dos R$ 298,0 bilhões registrados em 2009. O retorno anualizado sobre o patrimônio líquido de 23,9% em 2010.


Em fevereiro, o BB divulgou seu balanço no padrão brasileiro de contabilidade, com lucro líquido de R$ 11,703 bilhões em 2010, aumento de 15,3% sobre os R$ 10,148 bilhões de 2009. O retorno anualizado sobre o patrimônio líquido (RSPL) ao final do ano passado era de 27%, sendo que o índice em 2009 alcançava 30,7%.


Neste padrão, a carteira de crédito total do banco ao final de dezembro de 2010 somava R$ 358,366 bilhões, 19,1% maior que em 2009, e o banco fechou dezembro de 2010 com ativos totais de R$ 811,2 bilhões, crescimento de 14,5% ante dezembro de 2009.