BNB: Assinados acordos aditivos da PLR e da compensação das faltas

63

Durante a negociação realizada na terça-feira, 12/12, entre a Comissão Nacional dos Funcionários do BNB (CNFBNB/Contraf-CUT) e a Superintendência de Desenvolvimento Humano do banco, foram assinados os aditivos da PLR e da compensação das faltas da greve de 2006. Foram discutidos ainda temas como: antecipação do ticket e cesta alimentação, pagamento do passivo de horas extras, efetivação dos caixas, promoção por merecimento (PCR) e acordo coletivo geral.

Ficou confirmado nessa reunião o crédito do adiantamento da PLR para a segunda-feira, dia 18 de dezembro.

O adiantamento será linear, tendo como base o montante provisionado no 1º semestre de R$ 3.380.000 milhões, sendo proporcional aos dias trabalhados. Terão direito ao adiantamento os funcionários admitidos até 31/8/2006. Os demais receberão a PLR proporcional quando o banco pagá-la integralmente, com o fechamento do balanço. A PLR integral seguirá o acertado com a Fenaban, respeitando o limite da folha.

Quanto à compensação de faltas da greve, a CNFBNB reivindicou que fosse feito o abono integral das faltas, mas não houve consenso com o banco. Diante disso, a Comissão insistiu na manutenção da data-limite para compensação acertada com a Fenaban (31/12), o que foi aceito, podendo o funcionário optar por realizar a compensação até o dia 28/2/2007.

É importante lembrar que o gestor não pode pressionar o funcionário a compensar as faltas no prazo desejado por ele, gestor. Essa opção deve ser do funcionário, sem qualquer coação por parte do banco e limitado a duas horas por dia.

A Comissão reivindicou e conseguiu garantir que o banco antecipasse o pagamento dos tickets e da cesta alimentação para o próximo dia 22/12.

Ficou acertado ainda que até a próxima quarta-feira, 20/12, a CNFBNB dará posicionamento final sobre a proposta do Acordo para que, depois de análise pelo DEST, seja feita a assinatura entre as partes. A Comissão Nacional vai pressionar o banco para que a assinatura seja realizada no mês de janeiro/2007.