Bradesco ignora os problemas dos bancários

60

Durante o seminário nacional, promovido pela Contraf-CUT os dirigentes sindicais destacaram os graves problemas dos funcionários do Bradesco.

Segundo a coordenadora da Comissão de Organização dos Empregados do Bradesco, Neiva Ribeiro dos Santos, os dirigentes ressaltaram durante o evento problemas como a pressão e a cobrança abusiva por metas, a falta de um plano de carreira claro e que crie uma perspectiva de ascensão dos bancários dentro da empresa e um plano de saúde que atenda as demandas dos trabalhadores.

Também foram abordados os processos de terceirização no Bradesco, onde Neiva destaca ser “muitas vezes uma clara interposição fraudulenta de mão-de-obra precária e a organização dos trabalhadores. Todos esses problemas abordados constituem-se em desafios para os dirigentes do Bradesco e para o movimento sindical bancário”.