CAMED e CAPEF são temas de reuniões no Passaré

46

No último dia 6/3, os membros da Comissão Nacional dos Funcionários do BNB (CNFBNB/Contraf-CUT) participaram da instalação do grupo de trabalho sobre a Camed. O GT é tripartite, com representantes do banco, da Camed e das entidades de funcionários, que serão representados por Roberto Figueiredo, apo- sentado do BNB, ex-diretor da Camed e diretor do SEEB/CE.


“Temos que cobrar e atentar para que esse grupo de trabalho tenha mobilidade e que suas atividades fluam de modo rápido”, alertou o coordenador da CNFBNB/Contraf-CUT, Tomaz de Aquino. Ele lembrou que a instalação do GT foi um compromisso assumido durante as negociações para o acordo coletivo.


Durante a reunião foram estabelecidos ainda os critérios de funcionamento do GT, que deve se reunir semanalmente. Entre as principais discussões estão o plano de custeio da Camed e o fundo especial de custeio à saúde, também presentes à minuta de reivindicações dos funcionários.

CAPEF – O grupo de trabalho da Capef não apresentou o relatório final sobre as atividades do GT, alegando não ter chegado a uma conclusão. No entanto, a Comissão Nacional cobrou que o relatório dos trabalhos, com todos os cenários previstos, fosse apresentado por escrito, sendo agendada nova data para a apresentação do relatório. A Comissão questionou ainda o porquê de não se usar o superávit da Capef para aportar recursos na Caixa de Previdência. A Secretaria de Previdência Complementar deve ser consultada sobre o assunto pela direção da Capef e pela AABNB.