Campanha da Fraternidade Ecumênica 2010: não se pode servir a Deus e ao dinheiro

48

Após o carnaval, no início da Quaresma, foi lançada a Campanha da Fraternidade Ecumênica (CFE) 2010, que tem como tema “Economia e Vida” e como lema “Vocês não podem servir a Deus e ao dinheiro” (Mt 6,24). Diferente das Campanhas da Fraternidade que ocorrem todos os anos, a Campanha da Fraternidade Ecumênica acontece desde o ano 2000, a cada cinco anos, e é organizada pelas cinco Igrejas membros do Conselho Nacional de Igrejas Cristãs do Brasil (Conic) – Igreja Católica Apostólica Romana (ICR), Igreja Episcopal Anglicana do Brasil (IEAB), Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil (IECLB), Igreja Sirian Ortodoxa de Antioquia (ISO) e Igreja Presbiteriana Unida (IPU).


Rosélia Follmann, coordenadora da campanha da Arquidiocese de Fortaleza, explica que a escolha do tema é pautada na realidade social. “Mesmo com todo o desenvolvimento tecnológico, não se conseguiu diminuir as diferenças sociais. Há muita gente muito pobre, e há pessoas muito ricas. Entretanto, nós temos que pensar a vida a partir da vida, e não da economia. A vida tem de ser a primazia, o que não tem acontecido muito, pois em nome do Capital se tem cometido muita barbárie. A Igreja coloca a mão nessa ferida, como já colocou durante as outras campanhas.”


Com relação à organização conjunta da Campanha 2010, a coordenadora destaca que “o mais importante de tudo é que o Reino de Deus aconteça, o que não se limita a essa ou aquela igreja, pois está acima de qualquer uma.” Rosélia disse que se pensa em se fazer alguns momentos juntos, com a participação de todas as igrejas, a exemplo da abertura ocorrida em Brasília.

ATIVIDADES – No momento, a Campanha da Fraternidade Ecumênica 2010 está promovendo reuniões e estudos para conscientização sobre o tema da campanha. A ideia é incentivar e valorizar os grupos de economia solidária. Rosélia Follman destaca que já existe um trabalho consistente de assessoria por parte da Cáritas. A Cáritas Diocesana acompanha 20 grupos na Região Metropolitana de Fortaleza.


O dinheiro para auxiliar esse trabalho vem da coleta de solidariedade, realizada no Domingo de Ramos. Em 2009 foram quase R$ 100 mil. 36 pequenos projetos de economia solidária foram beneficiados.

Mais informações:

www.arquidiocesedefortaleza.org.br;

www.conic.org.br;

www.cnbb.org.br