Campanha Nacional alerta sobre glaucoma

57

O glaucoma é uma das principais causas de cegueira irreversível e atinge, segundo a Organização Mundial da Saúde, pelo menos 100 milhões de pessoas no mundo. Faltam no Brasil estatísticas locais. Mas, ao adotar os padrões internacionais para medir a incidência, fala-se entre seis e dez milhões de afetados.


Com o objetivo de conscientizar a população para a necessidade de exames periódicos e fazer um alerta sobre a gravidade da situação, a Sociedade Brasileira de Glaucoma realizou, nos dias 21 e 22/5, a Campanha Brasil Contra o Glaucoma.


A iniciativa atingirá onze cidades distribuídas entre as cinco regiões. Apoiada pelo Conselho Brasileiro de Oftalmologia e pelo Laboratório Alcon, a ação realizará exames gratuitos capazes de diagnosticar ou verificar a predisposição ao desenvolvimento do problema.


O glaucoma é uma alteração em que a pressão do líquido que preenche o globo ocular está anormalmente aumentada, além do que o olho pode tolerar. Quando tal pressão é maior do que o normal, aumenta consideravelmente o risco de ocasionar danos aos olhos e se não for tratada, pode cegar.


O paciente geralmente não percebe que sofre de glaucoma. O dano pode progredir com tanta lentidão que a pessoa não percebe a perda gradual da visão. A base do tratamento comum está no uso de colírios. Embora não haja cura, quando diagnosticado e tratado precocemente, pode ser controlado.


Neste ano a campanha espera realizar 30 mil atendimentos. Para esse mutirão, serão mobilizados mais de 500 oftalmologistas voluntários. A campanha será voltada para maiores de 45 anos.

Causas – O acúmulo do líquido, chamado humor aquoso, que circula no interior do olho. Esse acúmulo se produz ou devido ao aumento da formação do líquido ou pela obstrução do conduto pelo qual normalmente esse líquido sai do olho. Desta forma, como continua sendo produzido o líquido, a pressão intra-ocular vai aumentando progressivamente.

SAIBA MAIS

• www.glaucomafoundation.org

• www.abcdasaude.com.br/artigo.php?217

• www.abrag.com.br/inical.htm