COM LUCRO RECORDE, FUNCIONÁRIOS FORTALECEM O BNB E CONQUISTAM MAIOR PLR

18


O lucro do Banco do Nordeste cresceu 223% no primeiro semestre de 2019, em comparação com o mesmo período do ano passado. Foi o maior resultado da história do banco para os primeiros seis meses, com lucro líquido de R$ 744,8 milhões.


Esse expressivo resultado permitirá ao BNB distribuir R$ 46,8 milhões a título de Participação nos Lucros e Resultados (PLR) em benefício de seus funcionários.


Esse montante destinado à primeira parcela da PLR 2019 é cerca de 3 vezes e meia superior ao valor distribuído no primeiro semestre de 2018, tornando-se no maior adiantamento de PLR já pago pelo Banco.


“É um prêmio à dedicação dos funcionários à causa nordestina e à missão do BNB”, afirma Tomaz de Aquino, Coordenador da Comissão Nacional dos Funcionários (CNFBNB) e Diretor do Sindicato dos Bancários do Ceará.


Tomaz de Aquino informa aos colegas funcionários que está cobrando da Diretoria do Banco o pagamento dessa primeira parcela da PLR 2019 imediatamente após o crédito dos dividendos aos acionistas.


“Com o quadro de pessoal praticamente inalterado nos últimos anos, mesmo assim o BNB vem obtendo resultados crescentes sucessivos. Isso revela maior produtividade do corpo funcional e é fruto do engajamento de todos os trabalhadores e Diretoria – na luta para mostrar a essencialidade do Banco e a necessidade de seu fortalecimento. Aos colegas funcionários um alerta: a produtividade crescente deve continuar obedecendo o cumprimento de todos os direitos conquistados. Qualquer irregularidade – tal como a desabilitação indevida do ponto eletrônico para extrapolação de jornada sem a contra partida do pagamento de hora extra – deve ser imediatamente denunciada ao Sindicato para adoção de providências contrárias ao abuso. Garantimos total sigilo ao denunciante”
Tomaz de Aquino, diretor do Sindicato e coordenador da Comissão Nacional dos Funcionários do BNB