Comissão Nacional do BNB orienta greve de 24 horas, dia 9/11

20

Indicativo de greve de 24 horas no próximo dia 9/11, com assembléias deliberativas no dia 8/11 e uma campanha de mídia externa para mostrar o descaso do BNB para com os funcionários. Estas foram as deliberações da última reunião da Comissão Nacional dos Funcionários do BNB, realizada dia 1º/11, em Recife(PE) com a participação de todos os Sindicatos. Para o coordenador Tomaz de Aquino o encontro foi positivo, quando foi decidido pelos bancários do BNB que haverá um movimento mais forte em defesa do acordo coletivo deste ano.

No encontro, foi reafirmado que só haverá acordo total da Fenaban e não haverá termo de ajuste, como havia proposto a direção do Banco. Nesse acordo total só será aceito com a inclusão da PLR. Entende a Comissão Nacional que solucionar essa questão é responsabilidade da direção do banco, que não tem buscado enfrentar o Dest. “É responsabilidade direta do banco”, disse Tomaz de Aquino.

Segundo ele, é importante ressaltar que as justificativas do banco para não pagar a PLR não são verdadeiras, pois o lucro do banco previsto para este ano é de pelo menos R$ 200 milhões, duas vezes e meia o de 2005. “Não tem como dizer que não pode pagar”, completou Tomaz.

Assembléia para Deliberar Greve – As assembléias dos funcionários do BNB serão na quarta-feira, dia 8/11. No Ceará, começa às 18h30, na sede do Sindicato dos Bancários, com indicativo de greve para o dia 9/11.