Comissionados do BNB devem procurar apoio jurídico do Sindicato

13


Os funcionários do BNB que perderem suas funções comissionadas em razão da reestruturação implementada pela Direção do BNB devem procurar imediatamente o Sindicato dos Bancários do Ceará para a adoção de providências judiciais e legais visando à restauração de direito assegurado.


A legislação trabalhista garante aos trabalhadores ocupantes de funções comissionadas por mais de 10 anos a incorporação dos valores recebidos em sua remuneração, independentemente de a função continuar ou não existindo no plano de carreira da Empresa.


O Sindicato dos Bancários do Ceará reitera sua completa discordância do processo de reestruturação em curso no BNB, principalmente pelo fato de não ter havido debate transparente com as entidades representativas do corpo funcional antes da implementação do processo.


Por outro lado, o SEEB/CE continua questionando a legitimidade de uma diretoria cuja maioria é de membros de gestões anteriores, investigados pelo Ministério Público Estadual. E questiona também o fato de, ao mesmo tempo em que extingue funções, a Diretoria do BNB nomeia assessores de Diretoria e do Gabinete da Presidência, recebendo comissões de valor mensal em torno de R$ 7 mil.