CONGRESSO DOS FUNCIONÁRIOS DO BNB SERÁ DIAS 12 E 13 DE JULHO, EM FORTALEZA

26


O 25º Congresso Nacional dos Funcionários do Banco do Nordeste do Brasil (BNB) acontecerá nos dias 12 e 13 de julho deste ano, no Hotel Praia Centro, em Fortaleza.


Após a Conferência Regional da Federação dos Trabalhadores do Ramo Financeiro no Nordeste (Fetrafi/NE), que ocorrerá dias 5, 6 e 7 de julho próximo, o Congresso dos Funcionários do BNB será o primeiro de âmbito nacional no calendário geral de eventos da espécie promovidos pela Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT).


O Congresso Nacional dos Funcionários do BNB reunirá o total de 70 delegados e delegadas eleitos em assembleias e/ou encontros estaduais realizados pelos sindicatos que têm BNB na sua base de atuação, conforme orientação divulgada pela Fetrafi/NE.


A quantidade de delegados de cada sindicato é proporcional ao número de funcionários do Banco em cada Estado, assegurando-se, no mínimo, um delegado(a) por base sindical e também um delegado(a) por Federação.


O Congresso tem a coordenação geral da Contraf-CUT, com o apoio das Federações de Bancários da CUT e a assessoria da Comissão Nacional dos Funcionários do BNB (CNFBNB).


TEMÁRIO – O evento abordará temas como conse-quências da Reforma Trabalhista sobre a categoria bancária; análise de proposta de Reforma de Previdência em debate no Congresso Nacional e, principalmente, dedicará atenção à análise do futuro do BNB ante as ameaças de privatização e/ou fusão com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).


Os trabalhos do Congresso serão desenvolvidos em sessões plenárias, iniciando dia 12/7, às 9h e encerrando-se dia 13/7, às 13h, quando será aprovado o relatório final do Encontro.


“Divulgaremos a relação dos delegados eleitos para o Congresso dos Funcionários do BNB a fim de permitir à base encaminhar, através deles, propostas que visem, principalmente, proteger o Banco e fortalecê-lo na sua missão de desenvolver o Nordeste”
Tomaz de Aquino, diretor do Sindicato e coordenador da CNFBNB