CONTRAF e SEEB/CE chamam o BNB para esclarecer cálculo da PLR e contestar CDC do adiantamento

11


A Contraf-CUT e o Sindicato dos Bancários do Ceará estão enviando ofício à Diretoria Administrativa do BNB requerendo a memória de cálculo da PLR 2012 e solicitando urgentemente reunião de negociação para esclarecer o caráter do CDC voltado ao financiamento do adiantamento da PLR 2011.


O Sindicato e a Contraf-CUT entendem que se o Banco destinou mais recursos para a segunda parcela da PLR não justifica, como tem sido denunciado, o pagamento de valor menor que o recebido em outubro de 2012, quando do adiantamento da primeira parcela. Por outro lado, as entidades querem verificar como foi a aplicação da tabela para o recolhimento do Imposto de Renda que, através da mobilização dos trabalhadores, foi modificada com o objetivo de reduzir a “mordida do leão” sobre a PLR.


A Contraf-CUT e o SEEB/CE acordaram com Banco a concessão de um CDC especial para financiar o adiantamento da PLR de 2011 e foi isso que ficou claro na negociação realizada com o Presidente do BNB em Brasília, no último dia 8/3. Conceder um CDC nos padrões normais, levando em conta a margem de endividamento de cada funcionário, significa inviabilizar o financiamento para a maioria dos interessados em pactuarem o empréstimo.