Cresce em 70% o número de assaltos a bancos este ano no Ceará

20


Mais uma ação violenta de bandidos engrossou as estatísticas de ataques a bancos no Ceará. Em Morada Nova, interior do Estado, 15 homens invadiram e assaltaram a agência do Banco do Brasil na tarde da segunda-feira, dia 13/8. Ousados, os bandidos, na hora da fuga, trocaram tiros com a polícia e levaram cinco pessoas como reféns.


De acordo com levantamento feito pelo Sindicato dos Bancários do Ceará este é 85º ataque a banco no Ceará só em 2012 – contando assaltos a agências e carro forte, arrombamentos de caixas eletrônicos, saidinhas e chegadinhas. Esse número já é cerca de 70% maior do que o total de ações ocorridas no ano passado (50). A maioria dos ataques a banco deste ano, de janeiro até agora se concentra no interior do Estado: foram 44 ações, contra 41 em Fortaleza.


Sobre o assalto ao BB de Morada Nova, o Comando de Policiamento do Interior (CPI), informa que, por volta das 16h30, a quadrilha chegou ao local do crime em vários veículos. Parte do grupo entrou no banco, enquanto outros aguardavam do lado de fora. Cerca de 20 reféns foram postos lado a lado, formando um “escudo humano”, em frente ao banco, para intimidar uma reação da Polícia. Todo o dinheiro dos caixas e do cofre foi recolhido e colocado em malotes (o banco não revelou a quantia). A ação durou 25 minutos.


Durante a fuga, ouve troca de tiros com policiais do Ronda do Quarteirão local, mas ninguém ficou ferido, segundo a polícia. O grupo de bandidos deixou o banco com cinco reféns, que foram abandonados cerca de cinco quilômetros distantes do banco. A quadrilha conseguiu escapar e, até o fechamento desta edição da TB, os criminosos não haviam sido presos.