Cuidados com a saúde durante as férias

12


FÉRIAS. VERÃO. ESSES SÃO INGREDIENTES ATRATIVOS PARA O AUMENTO NO NÚMERO DE ACIDENTES POR ANIMAIS PEÇONHENTOS EM RELAÇÃO AOS DEMAIS MESES DO ANO. EM FORTALEZA, EXISTE UM SERVIÇO QUE ATENDE OS CASOS DE ACIDENTES COM ANIMAIS PEÇONHENTOS. É O CEATOX (CENTRO DE ASSISTÊNCIA TOXICOLÓGICA) QUE FUNCIONA NO HOSPITAL INSTITUTO DR. JOSÉ FROTA (IJF), COM PLANTÃO DE 24HS, INTERLIGADO À REDE NACIONAL DE CENTROS DE INFORMAÇÃO E ASSISTÊNCIA TOXICOLÓGICA (RENACIAT).


Principais cuidados para evitar acidentes com animais peçonhentos terrestres

• Em locais ou situações de risco de acidente por animais peçonhentos, como matas, trilhas, atividades de lazer, áreas com acúmulo de lixo, serviços de jardinagem, atividades de limpeza, deslocamentos de móveis, entre outros, utilizar sempre equipamentos de proteção individual, como luvas de couro, botas de cano alto e perneiras;

• Se encontrar animais peçonhentos em qualquer situação, afaste-se com cuidado, evite assustar ou tocar os animais, mesmo que pareçam mortos, e procure a autoridade local para providências.


Como evitar acidentes por animais aquáticos

• Em locais rochosos ou com pedras soltas, caminhe sempre com os pés protegidos por um calçado firme de solado antiderrapante (tênis ou sapatilha). Fique longe das áreas com grandes populações de ouriços-do-mar, pois estes são responsáveis pela maior parte dos acidentes envolvendo organismos marinhos;

• Evite colocar as mãos desprotegidas em tocas ou sob rochas;

• Evite banhos em praias onde aconteceram acidentes recentes por águas vivas e caravelas.


O que fazer em caso de acidentes

• Procurar atendimento médico imediatamente;

• Se possível, lavar o local da picada com água e sabão, e manter a vítima em repouso até a chegada ao pronto socorro;

• Não amarrar o membro acidentado e não sugar ou aplicar qualquer tipo de substância (pó de café, álcool, entre outros) no local da picada;

• Informar ao profissional de saúde o máximo possível de características sobre o animal, como tipo de animal, cor, tamanho, entre outras.


EXEMPLOS DE ANIMAIS PEÇONHENTOS


Escorpiões. No estado do Ceará, a espécie peçonhenta encontrada é a T. stigmurus, mede aproximadamente 6  a 7cm, de coloração amarela, com listra marrom no dorso e triângulo marrom na cabeça.


Sintomas: na grande maioria, dor local de leve a intensa, com formigamento e dormência.

Sinais Sistêmicos: náu-seas, vômitos, dor abdominal, sialorréia, diarréia, arritimia cardíaca, hipo ou hipertensão arterial, insuficiência cardíaca congestiva, sonolência, convulsão, edema agudo de pulmão, coma.


Tratamento: lavar bem o local com água e sabão, fazer compressa de gelo, e ligar para o CEATOX/IJF.

Água Viva, Caravela e Medusa: quando em contato com a pele do homem causa ardência, dor local intensa com pontadas, eritema, edema, prurido, placas e pápulas, bolhas, náuseas, vômitos, febre. Lavar o local com água do mar ou com soro fisiológico, compressa de vinagre por 30min. Procurar orientação médica.

Serviço

CEATOX funciona no Hospital Instituto Dr. José Frota (IJF)

Endereço: Rua Barão do Rio Branco, 1816 – Centro

Telefones: 3255.5050 / 3255.5012 e-mail: ceatoxijf@ijf.ce.gov.br

www.ijf.ce.gov.br/index.php/ceatox