CUT une desenvolvimento com emprego e distribuição de renda

18

Neste ano de 2007, a Central Única dos Trabalhadores (CUT) inovou nas comemorações do 1º de Maio, definido como dia de reflexão. O mote desta vez foi a defesa do desenvolvimento, da geração do emprego, da distribuição de renda e da valorização do meio ambiente. Em Fortaleza, a programação da CUT Ceará aconteceu na Praça do Ferreira, a partir das 15 horas, num grande ato político em homenagem ao Dia do Trabalhador. Participaram diversos sindicatos filiados à Central, os movimentos populares, entidades estudantis e autoridades locais.


Os trabalhadores foram à Praça reivindicar o desenvolvimento com distribuição de renda e valorização do trabalho, além de se manifestarem contra a Emenda 3. Durante todo o ato cantores da terra fizeram apresentações e no encerramento houve um show com o cantor Geraldo Azevedo.


O Sindicato dos Bancários do Ceara montou um estande dentro da temática trabalho, apresentando várias categorias de trabalhadores, tais como enfermeiros, operários, rurais, professores, bancários, entre outros. Os sindicatos cutistas também montaram estandes na Praça, para marcar as comemorações do Dia do Trabalhador.

Nacional – Para Artur Henrique, presidente nacional da CUT, o “1º de Maio representa um ciclo de lutas seculares dos oprimidos contra os opressores. Muito sangue e suor vêm sendo derramados pela classe trabalhadora em todo o mundo para a conquista de direitos e de uma vida digna. É também um dia de confraternização, para celebrar as conquistas e renovar o espírito para os ciclos de luta à nossa frente”.