Empregados do Ceará apresentam propostas para GT sobre comissionamentos

4


O Sindicato dos Bancários do Ceará em parceria com a Apcef Ceará (Associação do Pessoal da Caixa) e Agecef Ceará (Associação dos Gestores da Caixa) realizou no dia 5/11, no Clube da Caixa, um debate sobre RH 184 (descomissionamentos), caixa minuto e conjuntura política.


As principais questões em debate foram pela retomada imediata da designação de caixa efetivo e pelo retorno da incorporação ao salário, das comissões dos empregados que tem mais de 10 anos de função gratificada.


Encaminhamentos – Desse encontro, foi elaborada uma Carta do Ceará, que será encaminhada ao presidente da Caixa, com as demandas dos empregados e a defesa da manutenção da Caixa 100% pública. Também da reunião, será encaminhado um relatório local para o Grupo de Trabalho com a Caixa, criado para tratar das regras de comissionamentos.


GT – Formado por representantes dos empregados e da Caixa, o Grupo de Trabalho tem 30 dias para ser concluído a partir de sua primeira reunião, já marcada para 24 de novembro. Sua instalação foi uma conquista da Campanha Salarial deste ano.


“Outros debates irão acontecer, visando abordar estas e outras questões importantes para os empregados da Caixa, mostrando que o debate, o diálogo e o repasse de informações são elementos essenciais para fortalecer a luta da categoria”.
Marcos Saraiva, diretor do Sindicato e representante da Fetrafi/NE na CEE/Caixa