Encontro Nacional intensifica mobilização

50

No Encontro Nacional dos Funcionários do Banco do Brasil, realizado no sábado, 26/5, em Brasília, mais de 200 trabalhadores de todo o País aprovaram um calendário nacional de mobilizações contra o plano de reestruturação do BB, que prevê demissões, fechamento de unidades e aumento da terceirização.


Já na quarta-feira, dia 30/5, serão realizadas paralisações e manifestações em todo o País contra o pacote. No dia 14/6 será realizado o Dia Nacional de Luta pela isonomia nos bancos federais (BB, Caixa, BNB e Basa) e no dia 20/6 um Dia Nacional de Luta contra o pacote do BB. O Congresso Nacional dos Bancários do BB ainda não tem data definida, mas o tema principal será o papel do Banco do Brasil no desenvolvimento do País e no sistema financeiro nacional, bem como as questões específicas do funcionalismo.


Os delegados cearenses no Encontro, seguindo orientação da diretoria do Sindicato dos Bancários do Ceará, propuseram de forma enfática o abono dos dias de greve para aqueles que protestaram contra o pacote; moção em apoio aos colegas das Gerel que serão extintas; campanha de mídia massiva denunciando a direção do banco; resgate das reivindicações de 2004 sobre PCS; intensificar abaixo-assinado pela isonomia e realizar encontro sobre o tema com a presença do presidente da Câmara dos Deputados, Arlindo Chinaglia (PT/SP), e dos deputados Inácio Arruda (PCdoB/CE) e Daniel Almeida (PCdoB/BA), autores do projeto de lei 6259/05, que pede isonomia nos bancos públicos federais. Durante o encontro os delegados reivindicaram a instalação de CCPs, como Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul.

Ceará – O Sindicato realizou no dia 23/5, manifestação em frente à agência Praça do Carmo em protesto ao pacote do BB. O ato contou com show de humor, banda de música e a solidariedade dos manifestantes contra a Emenda 3, promovido pela CUT/CE. “Essa é uma hora de união, pois só assim vamos construir uma luta vitoriosa dos trabalhadores”, afirmou o presidente do Sindicato, Marcos Saraiva.