Entidades representativas participam da segunda mesa de prestação de contas da Cassi

33


“Precisamos acompanhar de perto o trabalho da consultoria a ser contratada para que o Modelo Assistencial de Atenção Integral à Saúde seja preservado e Estratégia Saúde da Família seja fortalecida na Cassi, conforme os consensos construídos na mesa de negociação”

José Eduardo Marinho, diretor do Sindicato dos Bancários do Ceará


As Entidades Representativas de Funcionários da Ativa e Aposentados do BB participaram da segunda Mesa de Prestação de Contas do acordo firmado entre as entidades e Banco do Brasil, em 2/6. A diretoria da Cassi apresentou o fluxo das despesas e receitas e como está a execução do orçamento e planejamento orçamentário recentemente aprovados.


Foram apresentados dados financeiros com o impacto do Memorando de Entendimentos nas contas da Cassi e o Banco do Brasil prestou informações sobre a contratação da consultoria prevista no acordo. O Banco informou que o processo de contratação está quase concluído e que em breve será feita publicação com o nome da consultoria contratada.

Transparência – A Cassi apresentou o site da Prestação de Contas, com a linha do tempo de cada etapa vencida e a vencer. Foram apresentadas as propostas em andamento para dar mais transparência nas contas da Cassi e a divulgação mais rápida de resultados financeiros e projetos executados. Os associados da Cassi poderão acompanhar a prestação de contas diretamente no site da Cassi através do endereço  http://www.cassi.com.br/images/hotsites/prestacaodecontas/index.htm

Modelo Assistencial – A respeito da contratação da Consultoria, houve certa preocupação por parte das Entidades, ao se informar que um dos escopos do trabalho seria a revisão do Modelo Assistencial da Cassi. As Entidades reafirmaram que essa questão não fez parte das negociações e que o Memorando de Entendimentos não prevê alterar o Modelo Assistencial. Tanto o BB quanto a Cassi afirmaram que qualquer alteração proposta terá que passar pelos órgãos de governança da Cassi que tem participação de indicados pelo Banco e eleitos pelo Corpo Social.

Atualização pelo FIPE Saúde – As Entidades novamente cobraram do banco a atualização do valor do ressarcimento de 23 milhões pelo Banco do Brasil pelo Fipe-Saúde imediatamente, considerando que os valores dos associados já tiveram reajuste do acordo salarial nos ativos e reajuste do benefício dos aposentados. O Banco informou que não fará a antecipação do reajuste, argumentando que o fluxo de caixa da Cassi está positivo e não vê necessidade no momento. As Entidades continuarão a cobrar a atualização antecipada.


Nova rodada de Prestação de Contas do Memorando de Entendimentos será no mês de setembro. O último boletim Prestação de Contas da Cassi reforma a atenção à Estratégia Saúde da Família. Confira: http://www.contrafcut.org.br/publicacoes/34-boletim-da-cassi-on-line-aef4