Estudo do Dieese mostra o lucro recorde dos seis maiores bancos

59

No primeiro semestre de 2007, o setor bancário superou mais uma vez o lucro de períodos anteriores. O balanço semestral dos seis maiores bancos do País – Banco do Brasil, Bradesco, Itaú, Caixa Econômica Federal, ABN Amro e Unibanco – registrou crescimento de 13,9% do lucro líquido. Itaú e Bradesco foram os que mais tiveram ganhos, contabilizando R$ 4,0 bilhões cada.


Em seguida, vem o Banco do Brasil, com R$ 2,5 bilhões, em base não recorrente. Ao se considerar o lucro recorrente (R$ 2,9 bi) da instituição, no entanto, percebe-se um crescimento de 84,4% em relação ao resultado do primeiro semestre de 2006, no valor de R$ 1,6 bi.


No total de R$ 14,9 bilhões, o lucro conjunto desses bancos é aproximadamente 60% do lucro total do sistema financeiro nacional no 1º semestre de 2007. Os quatro bancos privados contaram com receitas extraordinárias no período. No ABN foram de aproximadamente R$ 83 milhões. Já os outros três se apropriaram em média de R$ 436 milhões.