Exame de saúde é conquista dos funcionários do BB

8


Na Campanha Nacional do ano passado, os empregados do Banco do Brasil conseguiram o compromisso por parte da direção do banco em discutir melhorias no atendimento a saúde dos trabalhadores, com a realização de um grupo de trabalho específico sobre o tema.


Como exigência legal prevista na NR 7 do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), o Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional (PCMSO) determina que as empresas emitam anualmente ao Ministério um relatório sobre as condições de saúde dos seus funcionários. O relatório também colabora para que a Cassi promova e proteja a saúde dos trabalhadores, como oportunidade para que os funcionários relatem aos médicos examinadores os desconfortos físicos e mentais, identificando problemas e buscando soluções.


Melhorias – Desde 2014, as alterações e melhorias nos processos são muitas, realizadas pelo diretor eleito William Mendes, que conta com o apoio do movimento sindical em prol do bancário do BB. A distribuição de guias dos EPS era feita através de impressão e os documentos eram encaminhados por malote em 2014, passando a ser por e-mail no ano seguinte e disponibilizadas no Portal BB para impressão pelo funcionário neste ano, garantindo agilidade no processo.


As mamografias convencionais, realizadas até 2014, foram substituídas por mamografias digitais, que garantem melhor qualidade das imagens com probabilidade de um diagnóstico mais preciso, desde o ano passado.


Os formulários do PCMSO, anteriormente diversificados, ficaram mais objetivos e simplificados em 2015 e começam a ser informatizados neste ano. Já o resultado anual do PCMSO tinha, até 2014, a consolidação dos dados no fim do ano, passou por parametrizações do sistema para agilizar o processo em 2015 e a entrega dos resultados no decorrer do ato, na metade que os exames forem realizados, garantindo acompanhamento em tempo real, em 2016.