Exposição Esquartejada no Dragão do Mar

31

Retratar os maus tratos sofridos pelas mulheres. Essa é a intenção da espanhola Marisa Jorba, mais conhecida com Maïs. Dividida em três ambientes, a exposição reúne obras produzidas desde 2002.


O visitante pode conferir esculturas em referência ao apedrejamento, ao uso da burca pelas mulheres nos países islâmicos à instalação que remete a corpos de mulheres esquartejadas. Além disso, quem visitar a exposição terá a chance de ver esculturas como a Jaula de Ferro, que levam à reflexão sobre o aprisionamento em que o próprio ser humano se coloca.


Com curadoria de Roberto Galvão, a exposição já esteve em países como Japão, Estados Unidos, Espanha, Alemanha, França.

SERVIÇO: Exposição Esquartejada, até 21 de agosto, no MAC do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura. Programação gratuita e aberta ao público.

Visitas: terça a quinta, das 9h às 19h (acesso até 18h30), e de sexta a domingo (e feriados), das 14h às 21h (com acesso até 20h30). Acesso livre. Mais Informações: (85) 3488 8622 / 8624.