Funcionários do Banco do Nordeste conquistam R$ 87 milhões de PLR em 2014

6


Graças ao esforço do funcionalismo, a Participação nos Lucros e Resultados paga pelo BNB aos trabalhadores da Instituição alcançou a expressiva cifra de R$ 87 milhões no ano de 2014, representando cerca de 12% do lucro líquido do Banco no exercício. Desse percentual sobre o lucro, 3% foi distribuído linearmente, a título de PLR Social, conquista recente do funcionalismo integrante do Acordo Coletivo Específico.


O lucro obtido pelo BNB no ano passado foi recorde devido a uma bem sucedida estratégia de gestão dos recursos da Instituição, acompanhada de uma política agressiva de recuperação de créditos. Essa postura demandou grau de compromisso do funcionalismo que não se furtou a trabalhar além de sua jornada, embora tal prática seja repudiada pelo Sindicato dos Bancários.


Apesar dos valores distribuídos a título de PLR terem avançado em relação a exercícios anteriores, o Sindicato dos Bancários do Ceará lembra que o pagamento do direito ocorre com bastante atraso em relação aos demais bancos. “Essa situação precisa ser resolvida em relação ao pagamento da PLR deste ano”, declarou o diretor do SEEB/CE e coordenador da Comissão Nacional dos Funcionários do BNB, Tomaz de Aquino.


“A PLR é uma vitória da luta do Sindicato dos Bancários e de seus associados. Os bancários deram sua contribuição para o lucro do Banco e agora colhem os frutos, resultado do Acordo Específico firmado entre o SEEB/CE e o BNB”
Tomaz de Aquino, diretor do Sindicato e coordenador da CNFBNB