GEPES/CE promove debate sobre CCP na Super/CE

51

A criação da Comissão de Conciliação Prévia (CCP) do Banco do Brasil foi tema de reunião na Superintendência do banco, em Fortaleza, na quinta-feira, dia 31/5, promovida pela GEPES/CE. O representante da GEPES/CE, Ari Feijó falou dos passos que o funcionário deve percorrer na CCP e quais as demandas que podem acionar a CCP.


Na ocasião, o diretor do Sindicato dos Bancários, Leirton Leite destacou como foi a criação da CCP no Ceará, as dificuldades encontradas e que foi necessária a convocação de uma assembléia específica do BB para tal fim, ocorrida no dia 23 de agosto do ano passado.


A CCP do BB no âmbito do Sindicato segue a adesão ao acordo firmado entre a direção do banco e a Contraf-CUT, em junho de 2006. Na assembléia convocada para sua criação, com ampla divulgação nos meios de comunicação do SEEB/CE, os funcionários aprovaram a CCP sem nenhum voto contrário. Embora o artigo 3º parágrafo 1º permitisse ao Sindicato a indicação dos seus representantes, a assembléia aprovou a indicação dos nomes propostos, sem nenhum voto contrário, de Henrique Ellery e Francisca Aires para a Comissão.


A CCP do BB no Ceará, segundo os diretores presentes à reunião, tem sido bastante procurada, principalmente agora com o plano de reestruturação do banco. Segundo o diretor do Sindicato, Leirton Leite “qualquer demanda de natureza trabalhista pode ser submetida à CCP. No entanto, caso não se chegue a um acordo dentro da Comissão, o ex-funcionário fica livre para entrar na Justiça contra o banco”.