Gerentes passam a integrar Sipon a partir do dia 1º de agosto

6


A partir de 1º de agosto, o registro de ponto eletrônico será obrigatório também para os empregados lotados em unidades da Caixa Econômica Federal com função gerencial. Ficam fora do Sipon apenas os gerentes gerais das agências e dos postos de atendimento e, no caso das Superintendências Regionais, os gerentes regionais e os superintendentes regionais.


Essa é uma reivindicação do movimento dos trabalhadores que está há mais de 10 anos na mesa de negociação permanente. Portanto, trata-se de uma vitória importante, mas ainda há muito o que se avançar no que diz respeito à jornada de trabalho e ao Sipon. Com a obrigatoriedade do registro de ponto eletrônico, os ocupantes de função gerencial terão respeitada a jornada e, nos casos em que ela for extrapolada, vão receber horas extras.


“Essa é uma importante conquista dos empregados da Caixa e um instrumento fundamental para alcançarmos nossa principal bandeira de luta: a jornada de seis horas para todos e o combate à extrapolação da jornada. É claro que, para isso, a empresa precisa contratar mais para oferecer condições de trabalho e atendimento decentes. Outro fator a ser ressaltado é que, em caso de necessidade de horas extras, esses trabalhadores passarão a receber o devido pagamento, o que não acontecia anteriormente”
Marcos Saraiva, diretor do Sindicato dos Bancários do Ceará e empregado da CEF