Jurídico ingressa com ação na Justiça para garantir direitos no Holanda/Previ

35

O Sindicato dos Bancários ingressou na última sexta-feira, dia 24/7, com uma ação coletiva na Justiça para evitar que os bancários do Real sejam prejudicados em função das mudanças pretendidas pelo Santander, no plano de previdência complementar – HolandaPrevi.


O objetivo da ação é garantir a manutenção do custeio do plano como era até 31/5/2009 para que todos aqueles que, sob pressão, já optaram pela adesão tenham sua decisão anulada e mantenham os mesmos direitos do plano antigo.


Segundo o diretor do Sindicato e funcionário do Santander/Real, Eugênio Silva, o prazo para aderir às novas regras termina no final deste mês e o banco vem pressionando os bancários a optar pelo novo plano que representa um retrocesso financeiro na vida dos empregados do Real.


A expectativa do Sindicato é que a Justiça conceda a liminar e mantenha seus efeitos no julgamento da sentença de mérito, conservando as regras do HolandaPrevi. “Como o prazo para aderir às novas regras vai até o final do mês, orientamos aos bancários que aguardem até o dia 30/7 para decidir se optam pelas novas regras”, afirma Eugênio.

Sindicalização – É importante que os bancários que não sejam associados ao Sindicato efetuem suas sindicalizações o mais breve possível, pois caso a ação venha a obter êxito, há a possibilidade de ser beneficiado apenas o bancário associado, pois geralmente é dessa forma que são julgadas as ações.