Livro O Brasil Que Queremos debate a construção de um país para todos!

3


A Tribuna Bancária conversou com o vice-presidente da Fenae, Clotário Cardoso, que falou sobre o projeto do livro “O Brasil Que Queremos”, que tem o apoio e a iniciativa da entidade, buscando levar a academia para dentro das entidades sindicais, e assim fomentar o debate a respeito de temas importantes da sociedade, buscando construir o país que queremos.


O livro, organizado pelo professor e sociólogo Emir Sader, foi lançado no Ceará no último dia 17/8 e reúne dezoito ensaios que avaliam os reflexos das políticas públicas dos governos Lula e Dilma para o desenvolvimento do país. Você pode adquirir o livro na sede do Sindicato (Rua 24 de Maio, 1289 – Centro), ao preço de R$ 15,00. Mais informações: 85 3252 4266, falar com Keginaldo.

 


Como surgiu a ideia do livro O Brasil Que Queremos?

Essa proposta contribui para levar a academia para dentro das entidades sindicais a partir dessa necessidade de discutirmos o país. Hoje, vivemos um momento muito difícil, então a Fenae e as Apcefs decidiram fazer este livro, junto com o professor Emir Sader, organizando, na intenção de mostrar o que nós avançamos e o que ainda temos de avançar. A intenção é de promover o debate com a sociedade: qual é o país que nós queremos.


Quem participa deste livro?

Escolhendo alguns autores para debater temas como política fiscal, política energética, questão ambiental, projetos sociais, reforma tributária, reforma política. Além da contribuição com o texto no livro, esses acadêmicos firmaram um acordo para fazer duas palestras cada autor pelo Brasil a fora. Esse projeto visa a formação da classe trabalhadora.


Diante do cenário político do Brasil atual, qual a contribuição do livro?

Esse projeto foi pensado pela diretoria da Fenae muito antes do que está acontecendo hoje no Brasil. Em 2015, nós já estamos pensando em como levar essa formação para os trabalhadores e, por incrível que pareça, aconteceu o golpe e o livro veio no momento exato.


E essa aliança do livro O Brasil Que Queremos com a campanha Se É Público É Para Todos?

O projeto Se É Público É Para Todos também tem a Fenae como apoiadora. Tivemos essa felicidade de fazer o “casamento” do projeto O Brasil Que Queremos com o Comitê Em Defesa das Empresas Públicas. É uma parceria que deu certo e que está conseguindo envolver todos os trabalhadores em defesa do patrimônio público nacional.