Museu do Ceará recebe exposição itinerante “Bem do Brasil”

18


Desde o último dia 11/12, o Museu do Ceará recebe a exposição itinerante “Bem do Brasil: Patrimônio Histórico e Artístico”, com painéis que reproduzem pinturas, gravuras e esculturas, além de filmes e fotografias, referentes a diversas manifestações artísticas e culturais do País.


A mostra homônima original, idealizada pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), foi o evento que reinaugurou o Palácio do Planalto, em Brasília, em setembro de 2010, antes de seguir para o Centro Cultural Paço Imperial, em dezembro do mesmo ano, no Rio de Janeiro. Ao todo, são 18 painéis fotográficos com imagens das peças expostas em Brasília e no Rio de Janeiro, sempre acrescidos de obras de acervos locais.


Acervos – “Bem do Brasil” reúne trabalhos de artistas como Taunay, Facchinetti, Tarsila do Amaral, Volpi, Amilcar de Castro, Aluisio Carvão, Franz Weissmann, Guignard, Di Cavalcanti, Lasar Segall, Mestre Valentim, Arthur Bispo do Rosário, Goeldi, J.Borges e Portinari. No Ceará, a exposição ganha o acréscimo de peças de instituições como o Museu Sacro São José de Ribamar e a Universidade Estadual do Ceará. Há ainda esculturas em madeira de Nino (artista nascido em Juazeiro do Norte), provenientes do acervo do Iphan-CE.


A exposição fica em Fortaleza até o final de fevereiro, após esse período a mostra deve passar por Aracati e Barbalha.


Serviço:
Exposição “Bem do Brasil”, no Museu do Ceará (Rua São Paulo, 51, Centro).

Horário de visitação: terça a sábado, das 9h às 17h.

Contato: 3101.2610