Polícia evita roubo milionário que aconteceria no BB de Jaguaribe

15


Uma investigação que durou mais de dois meses resultou na prisão de uma quadrilha composta por seis homens envolvidos em assaltos a bancos e sequestros no Interior cearense e em Estados vizinhos, como o Rio Grande do Norte. O grupo planejava roubar cerca de R$ 1 milhão do Banco do Brasil de Jaguaribe (291Km de Fortaleza) sequestrando o gerente da agência. O crime seria concretizado dia 27/8.


Os acusados foram presos, durante o fim de semana, a 15 quilômetros de sede de Jaguaribe. Os bandidos acreditavam que o roubo seria milionário. O sequestro seria feito no domingo e o roubo na manhã da segunda-feira, 27/8. Dos seis acusados presos, dois estavam com mandados de prisão em aberto. Em poder deles, a Polícia encontrou uma pistola de calibre 380 e um revólver calibre 38, além de farta munição. Também foram apreendidos um veículo Peugeot e um Gol, ambos de cor preta, além de uma balaclava (capuz).


Com o desmantelamento dessa quadrilha, no Vale do Jaguaribe, chega a 84 o número de prisões efetuadas pela Polícia de pessoas envolvidas em ações criminosas contra instituições financeiras no Ceará somente este ano. Em 2011, foram efetuadas 72 prisões.


“Isso demonstra que as nossas reivindicações por mais segurança nas agências e pela intensificação das ações policiais de segurança pública, principalmente no Interior, são mais do que acertadas. Esperamos que ações como essa continuem obtendo êxito para o bem dos bancários e da população em geral”, avalia Carlos Eduardo Bezerra, presidente do Sindicato dos Bancários do Ceará.