Presidente da Caixa assegura solução imediata para o PMPP

61

A presidente da Caixa, Maria Fernanda Ramos Coelho, determinou quarta-feira, dia 20 de junho, providências urgentes para a efetivação do acordo Caixa/Funcef referente ao Plano de Melhoria de Proventos e Pensões (PMPP), concluído ainda no primeiro semestre do ano passado com aval do Palácio do Planalto. O compromisso com a solução imediata da pendência deu-se durante audiência com o presidente da Fenae, José Carlos Alonso, e o presidente da Fenacef, Décio Carvalho. A determinação foi repassada para o consultor Marcelo Terrazas, também presente à reunião.


Maria Fernanda manifestou o desejo de ver a questão do PMPP solucionada de vez. O acordo finalizado no primeiro semestre de 2006, com a participação de assessores diretos do presidente Lula, consiste no restabelecimento pela Caixa do pagamento da complementação denominada PMPP.


A presidente da Caixa comprometeu-se também a estudar medidas administrativas para o pagamento do auxílio-alimentação a todos os aposentados até janeiro de 1995, inclusive àqueles que perderam as ações judiciais. Também estudará formas de garantir o pagamento aos dependentes no caso de falecimento do titular – hoje, o pagamento do auxílio-alimentação tem sido suspenso e o dependente é obrigado a entrar com ação judicial para garantir o direito.

A concessão de auxílio-alimentação aos aposentados pós-95 será tema para as negociações permanentes entre a Caixa e as representações dos empregados e aposentados. Na mesa, estará colocada também a reivindicação de estender a cesta-alimentação a todos os aposentados, independentemente da data da aposentadoria.