Primeiro ataque a banco de 2013 aconteceu no Pecém

10


Um posto avançado do Bradesco foi alvo da ação de criminosos nos primeiros minutos do ano. A ação ocorreu no distrito de Pecém, município de São Gonçalo do Amarante, a 60 quilômetros de Fortaleza. Foi o primeiro ataque contra bancos do Estado em 2013.


De acordo com a Polícia Militar, pelo menos dois homens usaram dinamites para tentar tirar dinheiro dos caixas. Um dos equipamentos ficou totalmente destruído. O teto cedeu com o impacto da explosão. Apesar dos prejuízos, os criminosos não conseguiram levar dinheiro dos caixas, de acordo com o cabo Lourival Filho, do 9º Batalhão da Polícia Militar, de Itapipoca.


Os homens aproveitaram o ruído dos fogos de artifício para explodir a agência, segundo a Polícia Militar. No momento do crime, a maior parte dos moradores estava na praça principal da cidade ou na praia, celebrando o Réveillon. Poucos presenciaram o crime. O posto avançado onde ocorreu a tentativa de furto fica na rua São Luiz Gonzaga, onde estão dois outros postos, do Banco do Brasil e do Santander. Todos já sofreram ação de criminosos, segundo os moradores que conversaram com a reportagem.


Em 2012, ocorreram 73 ações contra bancos e caixas eletrônicos no Estado, segundo levantamento feito pelo Sindicato dos Bancários do Ceará. Dezesseis ataques foram realizados com o uso de explosivos. A última ação criminosa do ano passado ocorreu em um caixa eletrônico do Bradesco, localizado no bairro José Walter, na Capital.