Reciclar traz vantagens sociais, ambientais e econômicas

79

A reciclagem é muito importante, não apenas para diminuir o acúmulo de dejetos, como também para poupar a natureza da extração inesgotável de recursos.

A quantidade de lixo produzida diariamente por um ser humano é de aproximadamente 5 kg. Só o Brasil produz 240 000 toneladas de lixo por dia.

Em torno de 88% do lixo doméstico vai para o aterro sanitário. Menos de 3% do lixo vai para as usinas de compostagem (adubo) e apenas 2% do lixo de todo o Brasil é reciclado.

Em países como a França e Alemanha, a iniciativa privada é encarregada do lixo. Fabricantes de embalagens são considerados responsáveis pelo destino do lixo e o consumidor também tem que fazer sua parte. Por exemplo, quando uma pessoa vai comprar uma pilha nova, é preciso entregar a usada.

Uma garrafa plástica ou de vidro pode levar 1 milhão de anos para decompor-se. Uma lata de alumínio, de 80 a 100 anos. Porém todo esse material pode ser reaproveitado, transformando-se em novos produtos ou matéria prima, sem perder as propriedades.

Cada 50 quilos de papel reciclado evita que uma árvore seja cortada. Cada 50 quilos de alumínio, evita que sejam extraídos do solo cerca de 5.000 quilos de bauxita. Com um quilo de vidro quebrado, faz-se exatamente um quilo de vidro novo. Além disso, há a economia de energia e matérias-primas. Menos poluição do ar, da água e do solo. Melhoria da limpeza da cidade. Geração de renda pela comercialização dos recicláveis e diminuição do desperdício.

Bônus – O consumidor cearense de energia elétrica poderá trocar seu lixo por bônus na conta da luz. Desde o início do mês, a Coelce está implementando um programa, chamado Ecoelce, de incentivo à prática da coleta seletiva em troca de descontos na hora de pagar a conta. Em sua fase de testes, iniciada no ano passado em dois bairros de Fortaleza, o programa contabilizou R$ 983,16 em créditos aos clientes, referentes a 11,7 toneladas de resíduos arrecadados para reciclagem. Para o projeto-piloto foram escolhidas as comunidades São João (no bairro Lagoa Redonda) e João Paulo II (Jangurussu).

Já existem postos de coleta de resíduos na Água Fria, em um posto de gasolina Texaco na Avenida Washington Soares. A partir dos próximos resultados, serão estabelecidos novos postos. O intuito é ampliar o projeto também para os municípios do interior do Estado.

Para trocar o lixo por bônus, o titular da conta de energia deve solicitar o cartão Ecoelce, cadastrando-se em qualquer posto de coleta do programa. Com o cartão, basta o cliente levar o lixo reciclável ao posto mais próximo e registrar os bônus para a próxima conta.