REPRESENTAÇÃO DOS FUNCIONÁRIOS ESPERA DIÁLOGO COM NOVA DIRETORIA DA CASSI

40


A nova diretoria e os novos conselhos deliberativo e fiscal da Cassi tomaram posse em 1º de junho. As entidades representativas dos funcionários foram convidadas e participaram da cerimônia, já que cabe a elas e aos conselhos de usuários defenderem os associados e o patrimônio da Cassi.


O Sindicato entende que a renovação da direção da Cassi é uma oportunidade para que sejam retomadas negociações sobre demandas permanentes. Através da Contraf-CUT, as entidades representativas dos funcionários do Banco do Brasil ANABB, AAFBB, FAABB, Conselhos de Usuários da CASSI e Afabb-SP protocolaram ofício cobrando a volta da coparticipação nos mesmos patamares de 2018.


Em meados de 2018, a Cassi promoveu o aumento dos percentuais de coparticipação para o Plano de Associados. Consultas, sessões psicoterápicas, acupuntura e visita domiciliar passaram de 30% para 40%. Diagnose e terapias – de 10% para 20%.


A situação financeira da caixa de assistência está equilibrada devido as negociações com as entidades representativas dos funcionários, o que resultou na proposta de injeção de recursos aprovada pelo corpo social.


As entidades representativas lembram que, em janeiro, entrou dinheiro na Cassi, que agora se encontra com recursos em caixa. Portanto, as coparticipações nos procedimentos médicos, consultas e exames podem voltar aos patamares anteriores, e avisam que vão cobrar esta demanda.