Seminário deliberativo avaliará manutenção do Famed

25

Está previsto para a segunda quinzena de maio um seminário técnico, com poderes de assembléia, que analisará a viabilidade financeira de manutenção do Famed, o plano de saúde dos funcionários do Banco do Estado do Ceará (BEC).

As vantagens e desvantagens de dar continuidade ao plano de saúde serão debatidas nesse seminário. A questão principal é a manutenção do plano, tendo em vista a privatização do BEC e a oferta de um novo plano de saúde. Os becistas incorporados ao Bradesco já foram integrados ao Plano de Saúde Bradesco desde o último dia 1°/4. No entanto, os ex-funcionários do BEC continuam sendo assistidos pelo Famed.

No seu plano de saúde, o Bradesco assiste todos os empregados, a partir da admissão, e seus dependentes. No caso de filhos, até 21 anos, ou até 24 anos se universitário. No caso de cônjuge, deve comprovar dependência econômica. O plano é nacional e sem custo mensal para o funcionário. Ele paga 30% de atendimentos de pequeno risco e de consultas. Nesse plano, o Bradesco não atende aposentados, só assiste os ativos.