Sindicalistas na Jornada pelo Desenvolvimento

52

O presidente da CUT Nacional, Artur Henrique, esteve em Fortaleza no dia 18/4, quarta-feira, para apresentar os pontos da Jornada pelo Desenvolvimento – Com distribuição de renda e valorização do trabalho. O debate fez parte da programação do Dia do Trabalhador, promovido pela CUT Ceará. A Jornada Pelo Desenvolvimento Com Distribuição de Renda e Valorização do Trabalho é uma ação conjunta das Centrais Sindicais brasileiras com o objetivo de mobilizar o movimento sindical para influenciar os rumos do desenvolvimento do Brasil. Tem como referência a Agenda dos Trabalhadores pelo Desenvolvimento, documento que apresenta diretrizes, políticas e ações para promover mudanças substantivas na realidade atual, permitindo a integração positiva entre crescimento econômico e desenvolvimento.


Pressuposto – A Agenda dos Trabalhadores pelo Desenvolvimento tem como pressuposto a superação da dicotomia entre crescimento econômico e desenvolvimento social, de forma a garantir a inclusão de todos os brasileiros como produtores e beneficiários do progresso.


O desenvolvimento defendido pelas Centrais Sindicais é entendido como um processo no qual cabe aos atores sociais escolherem o caminho para que seja alcançado o bem estar comum. O desenvolvimento deve ser sustentável do ponto de vista ambiental e respeitar a diversidade social, política e cultural.


“É fundamental, também, uma política econômica que favoreça o crescimento, a distribuição de renda e o aumento da capacidade de investimento do setor público e privado. Igualmente importante é a implementação de uma política de juros decrescentes, de tratamento pertinente da dívida pública interna e de equilíbrio do câmbio e do fluxo de capitais”, disse Artur Henrique.