Sindicato indica voto na Chapa 6 ? Unidade na Previ

18

O processo eleitoral da Previ acontecerá entre os próximos dias 18 e 29/5 e o Sindicato dos Bancários dá seu apoio à Chapa 6 – Unidade na Previ. A eleição será para os cargos de Administração e Fiscalização e para os Conselhos Consultivos dos Planos de Benefícios 1 e Previ Futuro.


Em carta enviada aos associados da Previ, os diretores Ricardo Sasseron e Paulo Assunção, juntamente com o líder da Chapa 6, Marcel Barros, destacaram a importância e o desafio de cuidar da poupança previdenciária de quase 200 mil pessoas e de administrar um patrimônio R$ 150 bilhões.


“A Previ não suporta aventuras, nem radicalismos ou posturas éticas frouxas. Estamos em processo eleitoral. Uma escolha mal feita hoje pode comprometer nosso futuro. A experiência exitosa dos últimos anos precisa ter continuidade, mantendo a experiência certa sem trocá-la pela duvidosa”, diz a carta.


A Chapa 6 propõe mais poder para os participantes – defendendo o fim do voto de minerva no Conselho Deliberativo, o retorno da Diretoria de Participações aos associados, a volta da consulta ao Corpo Social e o fim da CGPC 26. Além disso, a Chapa 6 pretende estreitar a relação da Previ com os associados, ampliando os canais de comunicação e a assessoria previdenciária, criando serviços de orientação e a Ouvidoria.

A seguir, conheça as propostas da Chapa 6 para o Plano 1 e Previ Futuro:

Para o Plano 1:
• Aumentar o teto de benefícios para 100% da remuneração;

• Elevar o valor das pensões;

• Reduzir o valor da Parcela Previ;

• Criar novo benefício baseado na PLR, que inclua contribuição do banco;

• Manter as contribuições suspensas;

• Incorporar o BET como benefício permanente;

• Antecipar reajuste dos aposentados para janeiro;

• Pagar o BET sobre a verba P220;

• Reduzir as despesas administrativas;

• Pagar o BET do Grupo 67;

• Pela preservação automática do salário de participação.

Para o Previ Futuro:

• Lutar para resgatar as contribuições patronais;

• Criar novo benefício baseado na PLR, que inclua contribuição do banco;

• Diversificar investimentos para aumentar rentabilidade;

• Reduzir as despesas administrativas;

• Criar serviços de orientação financeira e assessoria previdenciária;

• Ampliar os empréstimos simples e financiamentos imobiliários;

• Verter 100% da rentabilidade para o participante;

• Incluir no Previ Futuro os funcionários dos bancos incorporados.