Sindicato paralisará agência em Fortaleza como protesto contra reivindicações não atendidas

72

O próximo dia 27/4 será marcado no BNB como um dia de protesto pelo não atendimento de reivindicações antigas do funcionalismo, colocadas em mesa de negociação e repetidamente negadas pela Direção da Instituição.


A orientação da Comissão Nacional dos Funcionários do BNB (CNFBNB/Contraf-CUT) é que todos os funcionários do Banco usem alguma peça vermelha no vestuário, como forma de caracterizar sua indignação pelos sucessivos adiamentos na implantação de pleitos legítimos do funcionalismo.


Além do uso do vermelho, a CNFBNB/Contraf-CUT está orientando os sindicatos com BNB na sua base de atuação a atrasarem o expediente das agências do BNB por duas horas, na próxima quarta-feira, 27/4.


Em Fortaleza, o Sindicato dos Bancários do Ceará escolherá uma de suas unidades operadoras na região metropolitana para realizar a paralisação, aproveitando o ensejo para denunciar à população a forma como o BNB vem tratando o seu corpo funcional.


Dentre as reivindicações das entidades sindicais que vêm sistematicamente sendo postergadas pelo Banco destacam-se a revisão do Plano de Funções e do PCR, a isonomia de tratamento para novos funcionários, implantação do ponto eletrônico e revisão dos Planos de Previdência e de Saúde dos funcionários.