Toma posse a nova diretoria estadual da CUT em solenidade festiva

20

Durante solenidade festiva no dia 17/6, na sede do Sindicato dos Bancários do Ceará, tomou posse a nova diretoria estadual da Central Única dos Trabalhadores (CUT/CE). A nova gestão, que tem como presidente Jerônimo do Nascimento, foi eleita com 85% dos votos durante o 11º Congresso Estadual da CUT, realizado nos dia 22, 23 e 24 de maio, em Beberibe.


Representando os bancários na direção da CUT/CE estão a diretora Lúcia Silveira (como vice-presidente) e os diretores Luiz Roberto Félix (Bebeto) e Ribamar Pacheco.


Dentre os cerca de 500 presentes ao evento estavam representantes de importantes Federações e Confederações de trabalhadores, como a Contraf, Confetam (Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal), Fetamce (Federação dos Trabalhadores no Serviço Público do Estado do Ceará), Fetraece (Federação dos Trabalhadores da Agricultura do Ceará) e Fetrace (Federação dos Trabalhadores no Comércio e Serviços do Ceará).


Eleita para o triênio 2009/2012, a nova diretoria tem como lema “Ética e Compromisso”. Segundo Jerônimo do Nascimento são inúmeras as bandeiras de luta desta gestão, mas o presidente enfatiza uma em especial. “Queremos continuar o fortalecimento da CUT através da formação de formadores, com o objetivo de disseminar o movimento sindical. Por meio disso geraremos um efeito dominó”.


Jerônimo destacou, entre as suas principais propostas, o processo de descentralização que pretende desenvolver na Central através da criação de regionais, além da ampliação da representação da entidade com a filiação de mais Sindicatos. Em relação às lutas trabalhistas, a CUT continuará mobilizada apoiando as campanhas salariais das diversas categorias, como a dos servidores públicos municipais e dos professores. “Coordenaremos todas as greves das entidades”, disse o presidente.


Jerônimo do Nascimento afirmou que deseja ratificar, ao longo de seu mandato, as Convenções 151 e 158 da OIT, que põem fim às demissões imotivadas e abrem possibilidade de negociações no serviço público, entre outras cláusulas. O presidente declarou ainda que as mobilizações contra a Emenda 3, a qual, segundo ele, “irá transformar o trabalhador em pessoa jurídica”, serão intensificadas.

PERFIL – Francisco Jerônimo do Nascimento é professor da Rede Pública Municipal de Itapipoca, com graduação em Pedagogia pela UECE e em Língua Portuguesa e Inglesa pela Universidade Vale do Acaraú (UVA). A imersão pela militância sindical aconteceu em 1998, mas apenas cinco anos depois passou a integrar a diretoria da Central Única dos Trabalhadores do Ceará. Em fevereiro de 2007, com a saída do então presidente De Assis Diniz do cargo, Jerônimo assumiu o posto, para, em maio deste ano, ser efetivamente eleito para a importante função de presidente da CUT/CE.